quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

RESENHA

SÓFOCLES ;496A.C.-406A.CANTÍGONA /SÓFOCLES;TRADUÇÃO DE DONALDO SCHÜLER.PORTO ALEGRE:L&PM, 2006102P;18CM- (COLEÇÃO L&PM POCKET)1.FICÇÃO GREGA-TRAGÉDIAS I.TITÚLOII. SÉRIE.


Antígona é uma peça de fortes e emocionantes contrastes ,onde o amor fala mais alto , ela é irmã de ISMENE , onde ámbas perdem seus dois irmãos no mesmo dia ,em uma conversa com sua irmã , Antígona procura saber se ela sabe alguma coisa á respeito do decreto de Creonte em relação ao seus dois irmãos mortos em uma batalha , estes chamados de Etíocles e Polinice , onde as ordens do nobre Creonte , era tão séria que se alguém transgredisse , receberia apedrejamento por toda a cidade . A Etíocles foi dada uma sepultura dígna , porém a Polinice , foi ordenado que ninguém o sepultasse , sendo assim abandonado servindo assim como doce tesouro de aves famintas;a jovem Antígona , não aceitando o descaso que é dado ao se u irmão , resolve sepulta-lo mesmo sabendo dos perigos que correria desobedecendo a lei . Pede assim a ajuda de ISMENE porém esta mostrando-se indiferente , ela resolve sepultar o seu irmão sozinha , cumprindo assim o que havia prometido .Antígona é pega em flagrante e é levada por um guarda a Creonte ,afirmando todas as acusações feita por ele ; ela era noiva de seu filho HEMON, este que é chamado para presenciar a sentença de sua noiva, ele de imediato não vai contra a sentença do pai ,porém ao ouvir comentários pela cidade reflete um pouco mais e tenta fazer com que o seu pai faça o mesmo ;seu pai permanece firme em sua decisão e manda a jovem á uma tumba rochosa .Tiresías um advinho que aconselhava Creonte a conduzir bem a cidade , o manda tomar cuidado em relação ao que ele estava fazendo , depois de alguns instantes Creonte o pergunta o que ele deveria fazer ?e ele o diz para correr e tirar a jovem da gruta subterrânea , de imediato ele não aceita , minutos depois chega um mensageiro falando da morte do seu filho . Creonte comunica ao senhor ter ouvido rumores e lamentações do seu filho , este se dirige apressadamente para a tumba e ao remover as pedras do fundo da mesma , estava Antígona suspensa pelo péscoço onde havia sido enforcada e Hamon abracava-a pela cintura depolando a esposa perdida na morte .Seu pai ao vé-lo pergunta o que ele está fazendo , ele o encara com um olhar de feroz , cospe em seu rosto e puxa a espada de dupla guarda ,seu pai esquivando-se do golpe foge , daí então sua vida torna-se insuportável e o terror o abala , sentindo-se culpado pela morte do seu filho .Corifeu então lhe diz que a velhice ensina a prudência .O texto apresenta uma linguagem, que dificulta um pouco a sua compreenção , porém conta-nos uma bela história , onde fica bem claro que o amor é capaz de desafiar a própia lei.

Nenhum comentário: